14.1.07

SIM


Desde muito nova que me lembro de pensar na questão do aborto ser proibido em Portugal. Sempre me pareceu terrivelmente errado que as pessoas gastassem tanto tempo e esforço a tentar controlar a vida e o corpo dos outros. Será que alguém acredita mesmo que é por se proibir o aborto que uma mulher vai ter um filho contra a vontade dela? Não acredito que uma mulher que faça um aborto o faça de ânimo leve e não acredito que não sofra profundamente com isso, mas muitas vezes é a única opção. Sinceramente não sei se faria um aborto, suponho que dependeria de muita coisa, mas de certeza que não iria ter um filho que não queria ter.
Claro que esta questão é extremamente complicada e os moralistas defendem que se trata de uma vida e de um coração a bater etc, no entanto, se a questão da vida é tão importante porque é que se permitem abortos nos casos em que a criança vai nascer com problemas? Ou como é que se permite a pílula do dia seguinte, a vida não começa logo no momento da concepção, segundo dizem?
Podia escrever muito sobre este assunto, há imenso a dizer e cada pessoa tem o seu ponto de vista. No entanto, acho que é importante que se deixe de olhar só para o próprio umbigo e se pense que nem toda a gente tem de se guiar pelos nossos padrões e, principalmente, que este assunto deve ser uma questão de escolha própria. Ninguém tem o direito de impôr nada a ninguém.
Eu sou pelo sim.

1 Comments:

Anonymous Canas said...

Sim, sim e sim!!tens de vir votar ;) ***

7/2/07 12:03  

Enviar um comentário

<< Home